You are here

Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) reforça os esforços na luta contra o coronavírus na Guiné-Bissau

BISSAU, Guiné-Bissau - Como parte da resposta das Nações Unidas em apoiar os esforços da Guiné-Bissau para conter e mitigar o coronavírus (COVID-19) no pais, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), entregou hoje materiais contra o coronavírus ao Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES),  destinado a 11 regiões de saúde do país, principalmente maternidades e ao Secretariado Nacional da Luta contra a SIDA (SNLS)..

O lote de materiais de saúde e proteção à saúde reprodutiva é composto por luvas para garantir a continuidade de serviços essenciais no contexto do COVID-19 para mulheres grávidas e mães em fase de amamentação; kits de teste de HIV para garantir a continuidade da PTME); e 2 tendas para apoiar a recepção, o isolamento e o distanciamento social de meninas e mulheres grávidas e mães em fase de amamentação, em particular fornecendo cuidados apropriados às pacientes infectadas com COVID-9.

O ato simbólico de entrega teve lugar nas instalações do Ministério da Saúde Púbica (MINSAP) e foi presidido pelo Presidente do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES), Dionisio Cumba, na presença do Coordenador Residente da ONU na Guiné-Bissau, Mamadou Diallo, do Representante do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA), Cheikh Fall e do Representante Residente da Organização Mundial da Saúde (OMS), Jean Marie KIPELA.

O Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) está a trabalhar para priorizar as necessidades particulares de mulheres e meninas, alinhado com os objetivos de acabar com a necessidade não satisfeita de planeamento reprodutivo e contracepção, acabar com as mortes maternas evitáveis e acabar com a violência de gênero e práticas nocivas contra mulheres e meninas até 2030.