You are here

O Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) e a Academia Ubuntu Guiné-Bissau lançam uma campanha de sensibilização remota via telefone contra o COVID-19

O Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) e a Academia Ubuntu Guiné-Bissau lançam uma campanha de sensibilização remota via telefone contra o COVID-19 no país,  através de  uma célula de seguimento.

Utilizando a sua rede de mais de mil jovens e mulheres formados no âmbito do projecto academia de Líderes Ubuntu, a organização está a seguir e a sensibilizar, via telefone, várias comunidades em todo o país.

Tendo como base um guião de seguimento e sensibilização, cinco técnicos da Academia Ubuntu seguem, por meio de um contacto remoto permanente, 40 formadores espalhados pelo país, que por sua vez, se encontram em permanente contacto remoto com os 1000 voluntários, jovens e mulheres, espalhados pelas várias comunidades do país, reportando a situação das comunidades para os técnicos da academia, que, em caso de necessidade, a reportam às autoridades competentes. 

O contacto com as comunidades não prevê apenas a sensibilização das mesmas sobre as formas de combate ao COVID-19, mas também focaliza-se na identificação e seguimento de possíveis situações de violência, sobretudo, contra mulheres e crianças, situações de carência extrema, especulação de preços de bens de primeira necessidade e difusão de notícias falsas sobre a pandemia de coronavírus. Toda a  campanha é realizada respeitando o distanciamento social e não aglomeração.

  

Esta ação é apoiada pelo Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) e pelo Fundo das Nações Unidas de Consolidação da Paz que garantem os contactos em rede.